11/14/2009

Espero o Xico para jantar e para mais uma sessão contínua de Galáctica. Espero que o tempero fique bom, apurado... e que os episódios da série sejam a cereja no topo do bolo duma plácida noite de sexta-feira. Ou deveria ter escrito "flácida"? Espero depois deitar-me cedo, para poder nadar de manhã. E que o dia que se segue seja, portanto, senão bom, pelo menos escorreito... casa-natação-trabalho-casa. Ena! Prova de vida: encaixo umas braçadas entre casa-trabalho-casa! Espero sair depois à noite, mas sem grandes esperanças, apenas animado do sentimento de espera. À espera, pois, que se faça tarde e de espírito enfim ébrio regresse a casa, onde me esperarão os dois gatos, de olhos semicerrrados e alongamentos de boas-vindas. Não deverei ter insónias. Espero! Espero por ti, apenas. E enquanto por ti espero, gasto o tempo para não esperar tanto, tanto por ti.

5 comentários:

Xutos & Pontapés disse...

fez-me lembrar a estética Vitor Espadinha:

O Homem do Mundo confessa-se vencido:

-Sim, eu sei...

é uma estética com uns trinta anos, mas tá tudo.

Abraços & Beijinhos disse...

À garinas que adoram o Vintage... quem sabe...

Vitor Espadinha disse...

??? oh well...

Anónimo disse...

enquanto a inês não aparece lá te vais entretendo com um alegre convivo masculino, típico dos solteirões solitários e rebarbados.
romântismos nunca tiraram a tusa a ninguém.

Rute disse...

o anónimo, por sua vez, parece rebabarbado q.b.